23 fevereiro 2006

A Ilha



Basta uma ilha para se ser feliz!
Para quê um continente?
Basta alguns dias para se ser feliz!
Na impossibilidade de uma vida.
Basta amar…
Para quê odiar!

Basta saber ver…

Que existem
os tons coloridos dos sonhos
e os sons arrepiadores do silêncio.

E mesmo assim, para termos a nossa ilha
há que nadar até ela
e por vezes isso é uma tarefa árdua
para quem não sabe nadar,
ou da água tem medo.

4 Comments:

Blogger dulce said...

Eu não sei nadar e tenho medo da água, mas para ser feliz era capaz de dar um pulo tb a essa ilha ... de barco e pelo menos com dois coletes salva-vidas ... :-)
A vida é tão curta amigo, e a felicidade coisa tão preciosa, que
bem temos q aprender a nadar!!!!
Beijos para ti amigo.

fevereiro 23, 2006  
Blogger HatA/mãe said...

José
Eu não tenho medo da água e sei nadar muito bem, nem frio dentro dela tenho...só me falta a ilha.
Que saudades...
Um abraço
E fiz mergulho...adorava voltar a faze-lo...
E se comprasse-mos uma ilha a meias?

fevereiro 24, 2006  
Blogger Su said...

eu gosto do mar, da maresia,da ilha, de nadar, ... mas nem sempre é suficiente....
jocas maradas de mar

março 04, 2006  
Blogger Lu@ said...

Pior mesmo é quando as nossas emoções se tornam naufragas, aprisionadas numa ilha e de lá nunca mais conseguem sair...

novembro 26, 2006  

Enviar um comentário

<< Home